You are here


Presentes em casas, restaurantes, comércios, criações de animais e inclusive em hospitais, as moscas podem carregar agentes que causam doenças. A má administração de uma infestação, além do incômodo, pode gerar perda de produção, má percepção nos clientes e indicar falta de condições mínimas de higiene nos ambientes.

Medidas preventivas e corretivas

Com saneamento adequado do ambiente, eliminação de criadouros e fontes de alimento como lixo e acúmulo de matéria orgânica, além do armazenamento adequado de alimentos, é possível minimizar as chances de proliferação de moscas.

Controle Integrado

Uma estratégia de controle eficaz considera as fases larvais e adultas. Estima-se que 85% da infestação está no ambiente sob forma imatura.

Controle de Moscas Adultas

Pulverização Superficial Residual: Controle de moscas que pousarem na superfície tratada, por maior período de tempo. 

Pulverização Superficial: indicada para rotação de princípio ativo e controle de moscas que pousarem na superfície tratada. 

Aplicação Espacial: para controle imediato de mosca que estão voando no ambiente.  

Controle de Larvas

•Pulverização Superficial: no controle de larvas. 

•Pulverização Superficial: indicada para rotação de princípio ativo no controle de larvas.