You are here


Com alto potencial para transmitir doenças devastadoras, como a Leptospirose, Hantavirose e Salmoneloses, os roedores são capazes de consumir cerca de 10% do seus peso por dia, provocar danos profundos em estruturas e instalações, além de comprometer regras de biossegurança.

Medidas preventivas e corretivas

Identificação e remoção de locais de abrigo e fontes indevidas de alimento.
Monitorar e ter atenção à constante limpeza e organização do local, além de bloquear locais de possível acesso.

• Remover entulhos que possam fornecer abrigos para os ratos.
• Organizar sacos de alimentos mal estocados em pallets e longe de paredes.
• Manutenção e reparo de bueiros
• Ratos podem fazer toca no gramado e correm pela grama, mantenha grama sempre aparada;
• Remover alimentos e sobras de rações acessíveis para que os ratos não se alimentem dela.
• Fazer vedação adequada em tubulação e instalar placas de metal em portas quebradas que permitam a entradas de ratos

Controle Integrado

Áreas Internas

• Isca para ambientes internos e sem umidade

Áreas Externas

• Isca para ambientes externos, sujeitos a intempéries

• Isca onde há alta competividade alimentar,  ideal para ambientes externos