You are here

Syngenta debate práticas sustentáveis em evento online da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo

Eventos
09.10.2020

Produção sustentável foi o tema do quinto episódio do “Caminhos do Agro SP”, projeto realizado pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo em conjunto com a TV Cultura, a InvestSP e a iniciativa privada. O encontro, realizado na quarta-feira (07/10), demostrou o poder que pesquisa, inovação e integração entre a iniciativa privada e o setor público possuem para tornar o agronegócio ainda mais economicamente viável, ambientalmente correto e socialmente justo.

A Syngenta, como apoiadora do programa, participou do episódio pontuando as diversas iniciativas que tem desenvolvido para promover boas práticas e desenvolver novas tecnologias sustentáveis para a agricultura. Durante a live, Guillermo Carvajal, Líder de Sustentabilidade da Syngenta para a América Latina, destacou o Plano de Agricultura Sustentável da empresa, o Good Growth Plan. Segundo o executivo, o Plano surgiu em 2013 para “melhorar as condições dos produtores, aumentar a eficiência das lavouras, recuperar terras à beira da degradação e capacitar agricultores.”

A live também contou com a participação do secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Gustavo Junqueira; do pesquisador do Instituto de Zootecnia (IZ-APTA), João José Demarchi; e do coordenador do Centro de Agronegócios da Escola de Economia de São Paulo da FGV, Roberto Rodrigues.

Metas alcançadas

Durante sua fala, Carvajal chamou a atenção aos resultados dos compromissos assumidos pelo Plano de Agricultura Sustentável da companhia, ressaltando que, entre 2014 e 2019, as iniciativas da Syngenta foram responsáveis por recuperar o solo de 6,3 milhões de hectares de terras cultiváveis no Brasil, sendo que, destas, 4,8 milhões estão no estado de São Paulo. No mesmo período, 3,8 milhões de hectares foram beneficiados com os programas de biodiversidade da empresa, dos quais 2,7 milhões fazem parte de São Paulo.

“Na parte social do Plano, o foco é auxiliar principalmente o pequeno produtor, que possui mais dificuldade de acessar tecnologias avançadas, a aumentar em 50% sua produtividade agrícola”, enfatizou. No mundo, a Syngenta capacitou mais de 26 milhões de trabalhadores e, no Brasil, 1,6 milhão, promovendo o uso correto e seguros de seus produtos. Além disso, em 2018, 99% das fazendas de produção de sementes da empresa participavam do seu Programa de Trabalho Justo, que inclui todos os seus fornecedores diretos do Brasil.

Próximos passos

Durante o debate, Carvajal também expôs os novos compromissos assumidos na segunda fase do Plano de Agricultura Sustentável, lançada em junho deste ano. O executivo disse que umas das principais metas é lançar duas novas tecnologias disruptivas por ano, municiando os produtores com ferramentas para que possam enfrentar os impactos das mudanças climáticas e ambientais. Além disso, explicou que a Syngenta irá investir US$ 2 bilhões em agricultura sustentável até 2025.

“Outro ponto fundamental são as parcerias que estamos estabelecendo com diversas instituições, entidades e pesquisadores. Um dos mais importantes frutos dessas alianças é o projeto Integração Lavoura, Pecuária e Floresta (ILPF), que visa integrar de forma equilibrada todas essas atividades em uma mesma área produtiva. Nossa meta é atingir 1,4 milhão de hectares com projetos desta natureza, intensificando a sustentabilidade da agricultura brasileira”.

Em relação à pegada de carbono, o executivo destacou que a Syngenta reduzirá 50% das emissões de todas as suas operações mundiais e, ainda, implementará projetos para fomentar a biodiversidade em 3 milhões de hectares. Em relação à segurança das pessoas, o objetivo é treinar mais de 8 milhões de agricultores por ano.

“Para a Syngenta, o Brasil é o mercado mais importante, em termos agrícolas, do mundo, devido ao seu enorme potencial produtivo. O País é um dos maiores produtores globais de alimento, e o mundo todo está de olho em nós, pois a demanda por alimentos é cada vez maior. Neste contexto, São Paulo tem um papel fundamental, pois desponta em tecnologia e investimento, não apenas no agro, mas também em infraestrutura, beneficiando toda a cadeia do setor”, sublinhou Carvajal.

 

Sobre a Syngenta

A Syngenta é uma empresa líder no segmento agrícola, que tem como ambição ajudar a nutrir o mundo e cuidar do planeta. Visamos melhorar a sustentabilidade, qualidade e segurança da agricultura por meio de ciência de ponta e soluções inovadoras para os cultivos. Nossas tecnologias permitem que milhões de agricultores em todo o mundo façam melhor uso dos recursos agrícolas disponíveis. Temos 28 mil funcionários em mais de 90 países trabalhando para transformar a forma como os cultivos são plantados e manejados. Por meio de parcerias, colaborações e o The Good Growth Plan, nosso Plano de Agricultura Sustentável, nos comprometemos a aumentar a produtividade nas fazendas, resgatar terras da degradação, promover a biodiversidade e revitalizar comunidades rurais. Para saber mais, acesse www.syngenta.com.br e www.portalsyngenta.com.br. Siga-nos no Facebook em facebook.com/SyngentaBrasil, no LinkedIn em https://www.linkedin.com/company/syngenta/ e no Instagram em @SyngentaBrasil.

 

Contato para a imprensa

Race Comunicação

Sofia Melazzo, Thiago Eid e Wilson Barros

+55 11 2548-0720 / 2894-5607 / 98586-0018

[email protected]

 

Syngenta

Fabiana Trebilcock

+55 11 98136-8266 / 5643-2072

[email protected]

 

Nêmora Müller Reche
+55 11 99972-8434 / 5643-3995
nemora.reche@syngenta.com