You are here

Syngenta e The Nature Conservancy se unem para oferecer inovação para a natureza

Sustentabilidade
22.05.2019
  • A colaboração plurianual centra-se nas práticas comerciais que visam a melhoria da saúde do solo, a eficiência de recursos e a proteção de habitats na Argentina, Brasil, China, Estados Unidos e Quênia
  • A Syngenta se compromete a integrar os princípios de sustentabilidade nas ofertas do seu negócio principal e em seu pipeline de pesquisa e desenvolvimento

 
A Syngenta e The Nature Conservancy (TNC) anunciaram hoje uma nova colaboração - Inovação para a Natureza - com o objetivo de promover a saúde do solo, a eficiência de recursos e a proteção dos habitats nas principais regiões agrícolas de todo o mundo. A colaboração reúne as competências em pesquisa e desenvolvimento da Syngenta e a experiência científica e de preservação da TNC para expandir as práticas de agricultura sustentável.
 
A Syngenta e a TNC vêm trabalhando conjuntamente por mais de uma década em vários projetos que apoiam a agricultura sustentável. Essa colaboração pretende demonstrar como uma empresa pode reavaliar sua estratégia de negócios por meio da incorporação da ciência da sustentabilidade em seu processo decisório e colaboração inovadora com agricultores. As organizações estão explorando investimentos em novas soluções de agricultura de precisão, culturas de cobertura, manejo integrado de pragas, soluções biológicas, análise e detecção remota, melhoramento de variedades de sementes e outros avanços. Ao integrar esforços, a TNC e a Syngenta visam identificar e testar novas tecnologias e inovações que podem beneficiar os produtores e o meio ambiente em um ritmo e escala maior que uma organização poderia alcançar sozinha.
 
“Estamos contentes em aprofundar nosso trabalho com The Nature Conservancy. Valorizamos muito sua experiência na preservação e seu enfoque colaborativo e pragmático em ajudar os agricultores a incorporar métodos mais sustentáveis nas suas propriedades”, afirmou Erik Fyrwald, CEO da Syngenta. “Por meio desta colaboração, visamos moldar nosso pipeline de inovações com o intuito de gerar maiores benefícios ambientais e promover uma mudança significativa nas práticas agrícolas para melhorar a saúde do solo, a eficiência de recursos e a resiliência climática. ”
 
A colaboração plurianual centra-se na geração de melhores resultados de preservação por meio da rede comercial da Syngenta e suas competências em pesquisa e desenvolvimento, bem como na formação de parcerias com organizações internacionais, produtores e comunidades. Especialistas externos independentes terão participação, quando necessário, para ajudar a avaliar se a colaboração está proporcionando benefícios mensuráveis para a natureza. A Syngenta Foundation for Sustainable Agriculture, com seu foco em ajudar pequenos agricultores e melhorar sua produtividade agrícola e acesso aos mercados, também se integrará à colaboração.
 
“O cultivo e produção de alimentos de forma sustentável são fundamentais ao enfrentarmos as mudanças climáticas e outros desafios globais”, afirmou Mark Tercek, CEO da TNC. “Para proteger a natureza – e todos nós que dependemos da natureza –, nosso sistema alimentar precisa fazer mais para evitar o desmatamento, proteger a biodiversidade e melhorar a saúde do solo. Nossa colaboração com a Syngenta é um passo na direção certa e demonstra como duas organizações com missões e propósitos distintos podem colaborar e encarar a inovação de uma nova forma”.
 
A Syngenta e a TNC estão agora atuando em colaboração para melhorar a eficiência de recursos, a saúde do solo e a preservação dos habitats nas seguintes regiões agrícolas importantes:
 

  • Argentina: Na região do Chaco, o trabalho se centrará na manutenção da biodiversidade e de ecossistemas resilientes. O projeto foi concebido para restaurar e manter o habitat florestal, que ajuda na regulação de pragas e ciclagem de nutrientes, cria quebra-ventos contra erosão dos solos, capta carbono e melhora a qualidade da água doce. Por meio da colaboração, a Syngenta e a TNC desenvolverão diretrizes como sugestões de melhores práticas e um kit de ferramentas para os produtores.
  • Brasil: A colaboração gerará novas pesquisas sobre benefícios agronômicos e de preservação de habitats protegidos e reflorestados, para pesquisar e difundir os benefícios econômicos das melhores práticas agrícolas, com foco na melhoria da produtividade das terras em pastagens degradadas.
  • China: Em cooperação com empresas e universidades chinesas, o foco será na saúde e produtividade do solo em regiões áridas de cultivo da batata. As organizações estão avaliando e testando as consequências ambientais e industriais do cultivo contínuo da batata e trabalhando para explorar um modelo de rotação de cultivos sustentável e de cunho científico para a região.
  • Quênia: No município de Murang'a, região densamente povoada fora de Nairóbi, a equipe está trabalhando com os agricultores para implementar práticas para captar e armazenar as águas pluviais para a irrigação na entressafra, o que proporciona oportunidades para aumentar a receita agrícola. Também ajuda a reduzir a erosão do solo, o que beneficia a fertilidade do solo, a produtividade e a qualidade da água. O projeto também inclui o teste de solos e a formação agronômica sobre práticas de Manejo Integrado de Pragas para ajudar os agricultores a maximizar os benefícios da irrigação na entressafra.
  • Estados Unidos: Trabalhando com a rede de distribuidores de produtos agrícolas da Syngenta, a colaboração visa encorajar e incentivar a adoção de práticas de conservação, como manejo de nutrientes, práticas de margens do campo e preservação dos habitats, com um foco inicial na agricultura nas bacias de Saginaw Bay e Western Lake Erie.

No início deste mês, a Syngenta anunciou que está acelerando sua inovação para enfrentar os crescentes desafios encarados pelos agricultores de todo o mundo, incluindo as mudanças climáticas, a erosão do solo e a perda da biodiversidade, bem como o as mudanças de expectativas e opiniões dos consumidores sobre a tecnologia agrícola. As áreas de foco anunciadas incluem: inovação guiada pela sociedade e natureza, esforços para minimizar os resíduos nas culturas e no meio ambiente e investimentos onde fará mais diferença para os agricultores e para a natureza. Este trabalho – e a colaboração com a TNC – avançará a partir do Plano de Agricultura Sustentável da Syngenta, que inclui seis compromissos a serem atingidos até 2020 em áreas onde o melhoramento é essencial para assegurar o futuro da agricultura e dos ecossistemas do planeta.
 
Sobre a Syngenta
A Syngenta é uma empresa líder no segmento agrícola, que tem como ambição ajudar a nutrir o mundo e cuidar do planeta. Visamos melhorar a sustentabilidade, qualidade e segurança da agricultura por meio de ciência de ponta e soluções inovadoras para os cultivos. Nossas tecnologias permitem que milhões de agricultores em todo o mundo façam melhor uso dos recursos agrícolas disponíveis. Temos 28 mil funcionários em mais de 90 países trabalhando para transformar a forma como os cultivos são plantados e manejados. Por meio de parcerias, colaborações e o The Good Growth Plan, nosso Plano de Agricultura Sustentável, nos comprometemos a aumentar a produtividade nas fazendas, resgatar terras da degradação, promover a biodiversidade e revitalizar comunidades rurais. Para saber mais, acesse www.syngenta.com.br ewww.portalsyngenta.com.br. Siga-nos no Facebook em facebook.com/SyngentaBrasil/, no Twitter® em @SyngentaBrasil e no Instagram em @SyngentaBrasil.